Dicas

Os custos para ter e manter um carro estão cada vez mais altos e, por isso mesmo, aplicativos como Uber e afins ficaram tão populares. Uma pesquisa da plataforma de descontos, Cuponation, revela que nem sempre pegar carona com um desses apps é a melhor escolha. Dependendo do caso e da distância, pode compensar mais alugar um carro.

? O fator que mais pesa na conta é a quilometragem que você pretende percorrer, de acordo com a análise da empresa. Considerando que o custo médio para alugar um carro econômico por um dia seja de 90 reais, uma viagem mais longa na modalidade Uber X, pode sair até mais cara do que isso. Pelos cálculos da Cuponation, se você pretende passar dos 30 quilômetros, um aluguel pode ser a solução mais em conta. 

O infográfico abaixo mostra melhor o comparativo. As primeiras colunas indicam os preços de aluguel para um, sete ou dez dias, o custo benefício é melhor quando o período contratado é maior. Já as linhas comparam o valor do Uber (cor preta) com o da categoria equivalente no aluguel de automóvel. A econômica (com linhas representando os períodos de um, sete e dez dias) fica frente a frente com a modalidade X, enquanto a intermediária fica com o Select e a executiva com a Black. O preço do aluguel aumenta conforme a quilometragem para ilustrar o gasto com combustível, já que os carros normalmente precisam ser devolvidos com tanque cheio para as empresas. Confira a seguir:


Em resumo, para distâncias menores, como os deslocamentos dentro da cidade, o Uber ainda é uma opção melhor. Mas para um percurso mais longo, tanto em termos de quilometragem quanto no número de dias, alugar um carro começa a ser uma opção mais vantajosa, mesmo colocando na conta o combustível. 

Fonte: Olhar Digital